terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Maus são os inimigos dos Estados Unidos e da NATO. Crimes bons são os crimes dos EUA e da NATO?


O ponto crítico de alguma Esquerda é alinhar com a NATO e os seus crimes iguais aos dos nazis
Não sou nem nunca fui do PCP nem do Bloco de Esquerda. Não sou nem nunca fui do PS.
Sou contra a Direita, porque a Direita defende o trabalho escravo e as oligarquias do dinheiro.
Este texto a seguir é verdadeiro.

“Parece «Imprensa Falsa», mas não é

PCP diz que voto do BE de condenação a bombardeamentos na Síria poderia ter sido apresentado por Trump.

«"Um voto que poderia ter sido subscrito pelo próprio Donald Trump": foi assim que o PCP definiu o voto de condenação apresentado pelo Bloco de Esquerda no Parlamento pelos "bombardeamentos e crimes contra a humanidade sobre as populações da região de Ghouta, na Síria". Os comunistas, a par dos dois deputados do partido ecologista Os Verdes, foram assim os únicos a votar contra o texto do Bloco de Esquerda.»” [Cit in blog Entre as brumas da memória]








Neste caso o PCP limita-se a descrever a verdade dos factos. O Texto do BE poderia ser de Donald Trump, da CIA, de Ângela Merkel ou da Troika, ou destes militares norte-americanos que vemos nestas fotografias.

O historiador Rui Tavares do Partido Livre apoiou o regresso à barbárie colonial europeia ao defender que a NATO bombardeasse a Líbia. O nazismo e a Guerra da Argélia mostram bem o que são os europeus.

Há nos partidos de Esquerda homens e mulheres que bem poderiam ser das SS nazis. Não são por falta de oportunidade, mas mostram uma desumanidade nazista.

O Bloco de Esquerda tem posições iguais às de Donald Trump na Guerra da Síria, tal como tem o PS.

Guerra significa matar, esfolar e destruir. A guerra é matar, esfolar e destruir. A responsabilidade das guerras é de quem as começa.

Sem comentários:

Enviar um comentário