sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

A Direita publicada

«As manobras de quem não se conforma com a geringonça


O site do Público dá hoje destaque a um artigo que tem como título "Gestão das áreas protegidas também divide a esquerda".

Este título é sintomático da agenda actual das direcções dos jornais do regime: tentar fragilizar a solução governativa que temos, enfatizando sempre que possível as divergências entre os partidos que a apoiam.

Note-se bem: nunca faltaram temas em que PS, PCP e BE discordassem. Nem os acordos que suportam a actual maioria pressupunham que elas desaparecessem. Pela minha parte, prezo muito as diferenças e espero que elas sejam assumidas, dentro de um espírito de lealdade. Valorizo a procura de entendimentos sempre que possível, não dramatizando o que não precisa de ser dramatizado.

O que os jornais do regime estão a querer enfatizar não são divergências de fundo - são quaisquer diferenças detectáveis de tom ou de opinião, qualquer intenção de assumir uma posição própria, enfim qualquer coisa que ajude a fomentar a ideia de que a maioria parlamentar está sempre por um fio. A verdade é que não está, por mais que desagrade a muita gente. E o recurso ao tema das áreas protegidas para tentar fomentar a ideia contrária diz bastante sobre o empenho de quem não se conforma com a existência da geringonça.»

[Ricardo Paes Mamede in blog « Ladrões de Bicicletas»]

Sem comentários:

Enviar um comentário