segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Trump presidente = Trump candidato a presidente

«Depois das alterações climáticas e do Obamacare, página da Casa Branca elimina o espanhol

A página de Internet da Casa Branca deixou de estar disponível em espanhol. A Casa Blanca já só é The White House, avança o El País.


Depois das alterações climáticas e do Obamacare, página da Casa Branca elimina o espanhol

O novo presidente norte-americano, Donald Trump, deu mais uma "machadada" à comunidade hispânica dos Estados Unidos, que é a maior minoria do país, refere o El País na sua edição online.

"Além de não contar com qualquer hispânico na sua equipa, algo que não sucedia há quase 30 anos, a nova Administração encerrou as páginas em espanhol que o governo tinha nas redes sociais. De momento, não há também um interlocutor directo para assuntos relacionados com a comunidade hispânica, como teve a Administração Obama. A Casa Branca já só é The White House", sublinha o jornal espanhol.

Recorde-se que na passada sexta-feira, 20 de Janeiro, praticamente à mesma hora em que Trump tomou posse, a Casa Branca colocava online as prioridades da nova administração norte-americana,  com seis grandes pontos em destaque, nomeadamente mais emprego e crescimento, investimento em mísseis para o sistema de defesa, renegociação de acordos comerciais e redução da dependência do petróleo internacional.

Mas não só. Além de entrarem em linha as prioridades da Administração Trump, foi eliminado o link sobre as políticas relativas às alterações climáticas, bem como quaisquer directivas envolvendo o Affordable Care Act de Barack Obama – o chamado ObamaCare, salientava o The Washington Post.

"Temas destacados na Web de Obama, como as políticas sobre as alterações climáticas, Cuba ou o pacto nuclear com o Irão foram eliminados – e há outro botão que desapareceu: en español", sublinha por seu lado o El País.

Esse link, agora desaparecido, ligava a presidência à Web, em castelhano, e além de estarem traduzidos os assuntos da página principal em inglês, destacavam-se também interesses especiais da comunidade hispânica, como as acções executivas de Obama para regularizar temporariamente centenas de milhares de jovens sem documentação – o programa de acção diferida conhecido como DACA, diz ainda o jornal espanhol.

O El País destaca ainda que a versão em espanhol da conta da Casa Branca no Twitter está também paralisada. O último tweet foi deixado a 13 de Janeiro, ainda pelas mãos de Obama.

Além destas alterações, o website promove agora a linha de jóias da Primeira-Dama, Melania Trump. "Quem visitar o recém-remodelado website da Casa Branca, terá mais do que um simples resumo sobre os interesses e obras de caridade apoiadas por Melania – está também disponível uma lista das revistas onde fez capa, bem como pormenores sobre a sua linha de jóias", refere o mesmo jornal.


[In «Jornal de Negócios» net]

Sem comentários:

Enviar um comentário