quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Cavaco Silva nomeia Passos Coelho primeiro-ministro e se os deputados do PS não virarem apoiantes de Passos Coelho este cairá

Se os deputados do PS não desertarem o Parlamento fará cair Passos Coelho dentro de 15 dias.

Cavaco Silva parece estar a preparar um golpe de Estado, impondo o Apartheid e excluindo os votantes que no dia 4 de Outubro de 2015 votaram no BE e no PCP.


Cavaco Silva nunca foi o presidente de todos os portugueses. Agora parece que não é o presidente dos 62% de votantes, que em 4 de Outubro de 2015 votaram contra a coligação Alemanha à Frente de Coelho e Portas.

Sem comentários:

Enviar um comentário