domingo, 15 de março de 2015

A DIREITA DIVERTE-SE COM O SOFRIMENTO DAS PESSOAS ESPEZINHADAS POR BERLIM E PELO REBANHO DO EUROGRUPO


Passos Coelho disse que o programa do seu governo era empobrecer os portugueses. Um bocado surpreendentemente uma família da alta burguesia financeira também empobreceu, a família Espírito Santo. É uma excepção à regra.
A pequena minoria da alta burguesia tem enriquecido globalmente, embora como foi referido, nem toda essa pequena minoria, que constitui cerca de 1% da população.
Os trabalhadores assalariados tem sido arruinados. Houve uma brutal descida dos rendimentos disponíveis de muitas famílias que têm que vender activos para não irem à falência. As chamadas classes médias com têm sido empobrecidas brutalmente. Mas, há casos de falência efectiva, de famílias das chamadas classes médias. O desemprego tem atirado para a ruína muita gente. É que acaba o subsídio de desemprego e não aparece emprego para muita gente.
Abaixo das classes a situação é desoladora, em muitos casos há fome, sim há mesmo fome!
Os funcionários públicos e os reformados foram atingidos violentamente com os cortes nos subsídios de férias e de Natal. Salvou-os o Tribunal Constitucional. Mas o dinheiro abruptamente confiscado foi muito e criou situações muito más, que muitos não imaginavam nos piores pesadelos!
A derrocada da qualidade de vida dos funcionários públicos e dos reformados arrastou consigo grande parte do sector privado. O mercado interno empobreceu de tal maneira que muitas empresas faliram e outras fizeram muitos despedimentos. A baixa dos rendimentos dos funcionários públicos e dos reformados do sector público e também do sector privado pressionou a diminuição dos salários no sector privado.
O chamado factor trabalho empobreceu muito. Mas os que não perderam o emprego viram a qualidade das condições trabalho diminuir muito. PRECARIEDADE é um conceito que explica a insegurança de muitos assalariados, do sector privado e do sector público. O trabalho precário é uma marca dos tempos que correm… Muitos trabalhadores deixaram de ser tratados como pessoas e passaram a ser tratados como números.
Houve um retrocesso civilizacional de grande magnitude.
Portugal entrou para a «União» Europeia para que a qualidade geral de vida melhorasse… e, de repente, dessa falsa «União Europeia» vieram ordens para um retrocesso civilizacional de alta magnitude!!!!!!!!!!!!!!!
Na Grécia arruinada surge um governo que faz frente às desgraças impostas por Berlim e pelos seus lacaios… Ameaças, chantagens, insultos violentos de Berlim e dos seus lacaios, abatem-se sobre o governo da Grécia liderado pelo Syriza…

Se alguém sai do rebanho, dirigido pelo pastor alemão é violentamente atacado…

Sem comentários:

Enviar um comentário