sábado, 3 de maio de 2014

A HUMILHAÇÃO DA RÚSSIA PELOS FASCISTAS DE KIEV


As televisões portuguesas são todas repugnantes. No dia 25 de Abril de 2014 andaram a dizer que eram contra o fascismo. Hoje, 3 de Maio de 2014 viraram, ostensivamente fascistas. Apresentam o ponto de vista dos fascistas da Ucrânia, assumem-se adeptas da junta fascista de Kiev.
Os Estados Unidos e a CEE/CE/União Europeia apoiam, ostensivamente, o fascismo.
Mas não é de agora, apoiaram, ostensivamente, o fascismo de Pinochet no Chile.

Numa democracia é muito difícil explicar no parlamento por quais razões o poder da Rússia deixa queimar vivos cerca de 40 compatriotas seus em Odessa.
A Rússia tem o inimigo fascista às portas.
Ou se acovarda ou reage.
Se reagir, a Ucrânia ficará sem saída para o mar, porque a humilhação de Odessa, para os ucranianos-russos, só pode ser apagada com a anexação pura e simples de Odessa pela Rússia, e a junta fascista de Kiev perderá todas as outras regiões de maioria russa. Os Estados Unidos não vão começar a III Guerra Mundial por causa de Odessa.

Se a Rússia se acovardar, um dia um neoconservador muito pior que George W Bush ganhará as eleições nos Estados Unidos e poderá convencer-se de que ganhará a III Guerra Mundial, se a começar, e atacará a Rússia.
Para a Rússia o que está em jogo é o seu futuro.

FASCISTAS-NAZIS DE KIEV QUEIMAM VIVOS RUSSOS EM ODESSA COM O APOIO DA NATO

Sem comentários:

Enviar um comentário