quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

A PENÍNSULA DA CRIMEIA ANTES DO GOLPE DE ESTADO PALACIANO DO UCRANIANO NIKITA KRUTCHOV NA URSS EM 1954


A Península da Crimeia em 1953 pertencia à República Socialista Soviética da Rússia [no mapa atrás tem o número 22], em 2014 Federação da Rússia, como se pode ver pelo mapa acima em que a RSS da Rússia aparece a vermelho.
Através de um golpe de Estado palaciano na URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas) o ucraniano Nikita Krutchov, retirou território à RSS da Rússia  que entregou à República Socialista Soviética da Ucrânia [no mapa atrás tem o número 21], no ano de 1954.
Os comunistas russos em 1964 fizeram um golpe de Estado através do qual demitiram Krutchov, mas não foram suficientemente inteligentes para restituírem à RSS da Rússia o território retirado por Krutchov a favor da RSS da Ucrânia. Assim hoje a República da Federação da Rússia está penalizada, em território, pelo golpe de Estado palaciano do ucraniano Krutchov de 1954.
Foi a ideia de «fim da História» e a ideia de que a URSS seria «eterna» que bloquearam o raciocínio dos comunistas russos que depuseram Krutchov. Em última análise, a actual República da Federação da Rússia foi muito prejudicada, pelo desenho das fronteiras da União Soviética pelo regime marxista-leninista.

Sem comentários:

Enviar um comentário