quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

A TRANSFERÊNCIA DE RIQUEZA DO TRABALHO PARA O CAPITAL

Pregar uma moral aos portugueses, que devia ser pregada aos holandeses, é a hipocrisia de Alexandre Soares dos Santos do «Pingo doce», que paga os impostos na Holanda, tal como Belmiro Azevedo, ambos líderes da Direita portuguesa.
Um dos segredos de Estado de Passos Coelho são as contas da ADSE, que são secretas. Há quem diga que a ADSE dá lucro e não prejuízo. Onde está a contabilidade da ADSE? Onde estão as contas da ADSE? Esta opacidade mafiosa é um sinal dos tempos que correm.
E a hipocrisia da alta burguesia faz parte do folclore do século XXI.

«Beneficiários

O nosso problema é dinheiro. Somos tesos e estamos falidos. O Estado está demasiado presente na vida dos portugueses e das empresas. Esta é uma das minhas minha preferidas: os portugueses vão ter que decidir se querem uma sociedade socialista ou capitalista. Sempre Alexandre Soares dos Santos, claro: “A Sociedade Francisco Manuel dos Santos SGPS foi a empresa privada que recebeu mais benefícios fiscais relativos ao ano fiscal de 2012, com 79,9 milhões de euros.”

Entretanto, ficámos a saber que o Estado garante 53,8% das receitas da Espírito Santo Saúde, liderada por Isabel Vaz, a que um dia reconheceu que melhor negócio do que a saúde só mesmo a indústria de armamento. Recupero a pertinente análise recente de Manuel Esteves: “O que levou o Governo, sempre tão diligente no cumprimento do memorando da troika, a evitar cortes nos benefícios prestados pela ADSE não foi a saúde dos funcionários, mas sim a saúde financeira dos grupos privados de saúde.” Os grandes grupos económicos estão sempre seguros, de facto.» (In blog «Ladrões de Bicicletas»)

Sem comentários:

Enviar um comentário