sábado, 2 de novembro de 2013

PASSOS UM MENTIROSO COMPULSIVO E PERIGOSO


É difícil compreender esta fase de decadência da classe política portuguesa.
Passos Coelho, intelectualmente muito limitado, é o primeiro-ministro. Ganhou as eleições com mentiras – uma muito salientada foi ele dizer que não ia cortar os subsídios de férias e de Natal.
Passos Coelho é estúpido e ignorante, mas muito perigoso, porque está no poder. Só faz orçamentos inconstitucionais, porque é inimigo do Estado de Direito.
Além de estúpido e ignorante, Passos Coelho é profundamente injusto. Torna a vida de muitos assalariados e de muitos reformados quase insuportável. O objectivo dele é empobrecer a maioria dos portugueses, para enriquecer ainda mais a pequena minoria da alta burguesia.

É súbdito da perversa Alemanha de Ângela Merkel, é o traidor Miguel de Vasconcelos do século XXI. Passos é boçal, mas tem prejudicado a maioria dos portugueses. Desde que começou a governar só tem arruinado Portugal, e quer arruinar ainda mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário