domingo, 8 de setembro de 2013

O NEONAZISMO REFORMULADO DO REICH DOS ESTADOS UNIDOS NO SÉCULO XXI

Prosseguindo a política neoconservadora-nacionalista de conquista do Mundo, militarmente, de George W Bush, Barack Obama o arrivista e mentiroso político negro, «prémio Nobel da Paz», contra o Mundo, tal como fazia Hitler, vai atacar um país soberano, por obscuras ‘razões de Estado’, estranhas «razões de Estado» como escreveu-classificou Maquiavel, em «O Príncipe», no século XVI.
Este ataque à Síria, contra o Mundo, faz lembrar o incêndio do Parlamento alemão (Reichstag), por ordem de Hitler… É que começam a surgir provas de que os grupos anti-Assad usam armas químicas com gás sarin, desde Março de 2013, pelo menos… E há cada vez mais, claros indícios, de que essas armas químicas passaram pelas monarquias ditatoriais medievais do Qatar e da Arábia Saudita… E há cada vez mais indícios de que foram as tropas anit-Assad, que lançaram as armas químicas em Damasco, que serviram de pretexto, para o Reich dos Estados Unidos (auto-proclamado dono do Mundo) atacar a Síria…
A covardia da Rússia é que vai permitir este ataque, porque se recusa a fornecer armamento de última geração, ao Irão e à Síria para meter, em poucos minutos, um porta-aviões ao fundo, que faça ameaças de guerra efectiva.
Um porta-aviões só é útil para atacar países tecnologicamente atrasados. Para a Rússia um porta-aviões é um grande alvo, fácil de atingir e de lançar para o fundo do mar em poucos minutos.

Este colonial-imperialismo do Reich dos Estados Unidos em 2013 é uma orgia de sangue e morte, devido à covardia da Rússia.

Sem comentários:

Enviar um comentário