segunda-feira, 19 de agosto de 2013

CALOR EM PORTUGAL E AS FÉRIAS SÃO EM NOVEMBRO


A insensibilidade social, o desprezo pela maioria dos portugueses, o desrespeito por uma decisão do Tribunal Constitucional, tudo isto impede muitos portugueses de gozarem férias.
Em Portugal, grande parte dos funcionários públicos fazem férias no Verão, em Agosto, sobretudo, mas também em Junho, Julho e Setembro, conforme os serviços, porque, obviamente, tem de haver uma diversificação das férias, porque os serviços têm que funcionar. Mas, em quatro meses há muitas hipóteses de diversificação das férias, sem prejudicar o funcionamento dos serviços. Os professores só têm, efectivamente livre na totalidade o mês de Agosto; para a diversificação há os dias finais de Julho e, eventualmente, poderá haver alguns dias (poucos) dos começos de Setembro.
Como vimos, o Verão é a época das férias da grande maioria dos funcionários públicos.
Ora, estando empobrecidos, os funcionários públicos, em Portugal, conseguem as melhores e mais baratas férias no Verão. As férias na neve são muito caras. Fazer praia no Inverno, só no hemisfério Sul, o que não é possível para pessoas empobrecidas.

Assim, além de desobedecer, parcialmente, ao Tribunal Constitucional, o governo de sádicos PSD-CDS-Troika Cavaco-Swaps, mostrou a sua crueldade ao recusar pagar os subsídios de férias no Verão aos funcionários públicos e aos reformados. No Verão é quando as férias são mais agradáveis e mais baratas em Portugal. Pagamento do subsídio de férias só em Novembro...

Sem comentários:

Enviar um comentário