domingo, 21 de julho de 2013

DIREITA – UMA MAIORIA, UM PRESIDENTE E UMA GRANDE DESGRAÇA PARA A GRANDE MAIORIA DOS PORTUGUESES

Cavaco Silva recusou convocar eleições antecipadas. Porque o seu partido, o PSD, iria sofrer uma pesada derrota.
Para que tudo fique na mesma não é preciso mudar nada.

Este governo de traidores PSD-CDS-Troika-Cavaco está às ordens de Berlim contra os interesses da maioria esmagadora dos portugueses.
A espiral recessiva não só vai continuar, como vai ser agravada.

Um governo, uma maioria e um presidente da Direita significam desemprego, quebra de rendimentos, despedimentos e fome, sim fome, é o que a Direita oferece aos portugueses.

Sem comentários:

Enviar um comentário