terça-feira, 14 de maio de 2013

BENFICA – CHELSEA – FINAL DA LIGA EUROPA


O futebol foi inventado pelos ingleses e é o desporto com mais variantes, pelo que é o mais popular a nível planetário. No basquetebol um bom jogador deve ter aproximadamente 1 metro e noventa centímetros e a sua altura não pode variar muito em relação a 1,90 m. No futebol a altura ideal é considerada 1 metro e oitenta e cinco centímetros, porque acima desta altura o jogador perde velocidade. Cristiano Ronaldo tem 1,85 m e é considerado o jogador ideal, no remate à baliza com os pés, na velocidade, e no remate à baliza de cabeça, ao lado de um nível técnico elevadíssimo. Lionel Messi é muito mais baixo, 1,69 m, mas muitas vezes supera Cristiano Ronaldo, excepto na velocidade e na elevação para remate de cabeça.
O Brasil é o país com mais campo de recrutamento para a sua selecção, costuma ter sempre uma selecção forte, mas há, muitas vezes, outras mais fortes.
Em Portugal o clube com melhor escola de formação de jogadores é o Sporting C P, com dois jogadores que receberam o prémio de melhor jogador do Mundo, atribuído pela FIFA, Luís Figo e Cristiano Ronaldo, talvez até seja caso único, a nível Mundial.
A nível internacional o clube de Portugal com mais troféus é o Futebol Clube do Porto, com duas Taças dos Campeões Europeus / Liga dos Campeões da Europa, com duas Taças Intercontinentais, com uma Supertaça da Europa, com uma Liga Europa e com uma Taça UEFA.
Em segundo lugar aparece o Sport Lisboa e Benfica com duas Taças dos Campeões Europeus / Liga dos Campeões da Europa.
Quanto a presenças nas finais o Benfica aparece em primeiro lugar, com sete finais da Taça dos Campeões Europeus / Liga dos Campeões e + uma final da taça UEFA + uma final da Liga Europa, a decidir amanhã.
Embora possa levar à perda de audiência deste blog, visto que o número de adeptos do Benfica é estimado em 6 milhões, não sendo eu adepto do Porto, tenho que reconhecer, que no confronto directo, esta época, para o Campeonato de Portugal (chamado de Primeira Liga) o Benfica mereceu perder. No 1º jogo, no estádio da Luz o Porto atacou a baliza do Benfica e esteve a vencer por 1 – 0 e por 2 – 1 e acabou por empatar 2 – 2. No 2º jogo, no Porto, o Benfica atacou a baliza do Porto até ficar a vencer por 1 – 0, mas depois decidiu defender esse resultado e não conseguiu, acabando a primeira parte 1 – 1. Como 1 – 1 servia para o Benfica ser campeão, o Benfica quase abdicou de atacar a baliza do Porto e jogou para o empate. Quem joga para o empate, geralmente perde, e por isso, o Benfica perdeu e, no confronto directo, em dois jogos foi inferior ao Porto.
Se o treinador do Paços de Ferreira aspira a uma carreira semelhante à de Mourinho ou de Vilas Boas, ainda pode oferecer o campeonato ao Benfica, mas obviamente, o Benfica está dependente do desempenho do terceiro classificado, que é o Paços de Ferreira.
Na final da Liga Europa o Benfica vai jogar para ganhar, porque não há empates, tem que haver um vencedor. Espero que os ingleses percam.

Sem comentários:

Enviar um comentário