terça-feira, 23 de abril de 2013

DOPING E AUSÊNCIA DE CONTROLE ANTI-DOPING NO FUTEBOL DE PORTUGAL


«Walter Casagrande confessa que se dopou no FC Porto

Em entrevista ao Programa do Jô, da TV Globo, Walter Casagrande falou da carreira de futebolista, do consumo de drogas e das substâncias dopantes que foi aconselhado a tomar quanto chegou ao FC Porto, na época 1986/87.

«Usei umas quatro vezes. É uma situação que me envergonha, o que menos gosto de lembra. Atrapalha-me muito mais do que pensar em todas as drogas que tomei. Era injetado e dava uma disposição acima do normal. Controlo antidoping? Não havia», disse.» (In jornal «A Bola» net)


Sem comentários:

Enviar um comentário