sábado, 9 de março de 2013

CAVACO SILVA NÃO SE AFIRMA COMO GARANTE DA CONSTITUIÇÃO QUE JUROU


Cavaco Silva não se afirma como garante da Constituição, que jurou, por duas vezes.
Cavaco Silva está a fazer todos os possíveis para que o governo PSD-CDS não caia, mesmo estando a governar, frontalmente, contra as suas promessas eleitorais e ainda quando as sondagens dão, claramente, a indicação de que este governo já não tem maioria eleitoral. Se houvesse eleições, hoje, Passos Coelho e Vítor Gaspar saíam de cena. 
Quando o PS estava no governo, Cavaco Silva andava sempre a dizer que os portugueses não aguentavam mais sacrifícios. Agora que os sacrifícios são cem vezes pior cala-se, em regra. Como excepção diz umas coisas com as quais a sua prática entra em contradição.

1 comentário:

  1. O PS de novo do governo?! Dassss...Para quê? Mais valia fechar isto de uma vez.

    ResponderEliminar