quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

MENTIROSOS E BURROS


Pedro Passos Coelho e Vítor Gaspar acham que não devem baixar os juros dos empréstimos a Portugal. Nesta lógica de raciocínio deviam era pedir um aumento dos juros dos empréstimos a Portugal. Estes dois indivíduos, além de desonestos são burros.
São desonestos, porque dizem que a austeridade é para todos, mas não é verdade. É distribuída de maneira, mafiosamente, desigual, beneficiando os capitalistas e prejudicando as outras classes sociais. Bem, dizer que são burros, porque não querem pagar menos juros pelos empréstimos é pouco, eles são muito burros.

Sem comentários:

Enviar um comentário