sexta-feira, 30 de novembro de 2012

A PALESTINA E A INSIGNIFICÂNCIA DA REPÚBLICA CHECA


O único país da União Europeia que votou contra os direitos dos palestinianos, na Assembleia Geral da ONU de 29 de Novembro de 2012, foi a insignificante República Checa, que tentou colonizar a Eslováquia, mas saiu-lhe o tiro pela culatra. A República da Eslováquia declarou a independência e pôs fim à Checoslováquia. E Praga deixou de mandar na Eslováquia.
Alguma coisa, finalmente, o governo PSD-CDS fez bem, Portugal votou a favor dos direitos do povo palestiniano.


Sem comentários:

Enviar um comentário