sábado, 18 de agosto de 2012

FRANÇA – REGRESSO À BARBÁRIE COLONIAL DEMOCRÁTICA DO TEMPO DA GUERRA DA ARGÉLIA

A França de François Hollande virou colonialista, seguindo o roteiro da Barbárie colonial democrática francesa da Guerra da Argélia.
O discurso do governo de François Hollande, em 2012, é copiado do discurso antigo da Barbárie Democrática-colonial francesa da Guerra da Argélia.
«Na Turquia, última etapa de sua viagem regional, o ministro francês das Relações Exteriores, Laurent Fabius, afirmou que o regime sírio deve "ser abatido rapidamente"» (In Terra Brasil» net).
Com que Direito é que Laurent Fabius manda na Síria, que é um país soberano membro da ONU? Obviamente com o «Direito» à Barbárie colonial-democrática francesa, do tempo da Guerra da Argélia. 
E já agora, para impedir a catástrofe da moeda euro o governo Hollande nada faz. E, entretanto, a «Peugeot» está, na prática, mais ou menos falida, está a ter prejuízo, devido às perversões da moeda euro e do fraudulento aberrante «BCE», e ainda a algumas leis perversas de toda a União Europeia.

Sem comentários:

Enviar um comentário