terça-feira, 24 de julho de 2012

A CRISE DA ZONA EURO JÁ CHEGOU À ALEMANHA

A Agência norte-americana de «rating» Moody’s considera que a crise da Zona Euro já atingiu a Alemanha e que é provável a descida do «rating» da Alemanha.
Já há muito que órgãos de comunicação social de língua inglesa, quer ingleses quer norte-americanos, vinham comentando que a crise da Zona Euro não era uma crise só de alguns países, mas sim uma crise de toda a Zona Euro, incluindo, obviamente, a Alemanha na Crise da Zona Euro.
Parece que a crise da Zona Euro é mesmo uma crise de toda a Zona Euro, é também uma crise da França e da Alemanha.
E também parece que as leis da moeda euro têm que ser mudadas e que a moeda euro precisa de um Banco Central no sentido correcto do conceito e não de um falso Banco Central como é o chamado «BCE».

«'Rating' da Alemanha em perspectiva negativa
A agência de notação financeira Moody's colocou em perspetiva negativa o 'outlook' para a economia da Alemanha, bem como da Holanda e do Luxemburgo. O governo alemão reagiu de imediato, afirmando que o país continuará a ser "a âncora da estabilidade da zona euro".
A Moody's disse que estes três países (todos têm atualmente AAA, a nota mais elevada) estão ameaçadas pelos probelmas que a Zona Euro enfrenta, nomeadamente uma possível saída da Grécia do euro, noticia a Lusa.
Numa rápida reação o ministério das Finanças alemão emitiu um comunicado afirmando que "a Alemanha continuará a exercer o seu papel de âncora de estabilidade na zona euro".
"A Alemanha tudo fará com os seus parceiros [europeus] para resolver o mais rapidamente possível a crise da dívida europeia", pode ainda ler-se no documento citado pela France Presse.»

Sem comentários:

Enviar um comentário